HOME|NOTÍCIAS|Tá chegando! (por João Garcez - blog Terno e Gravatinha)
Artigos • Por João Garcez - blog Terno e Gravatinha - Foto: Lucas Merçon - Fluminense F.C. • 01 nov 2018
Tá chegando! (por João Garcez - blog Terno e Gravatinha)

Foi uma batalha vitoriosa, mas não sangrenta. Ou melhor, sequer foi uma batalha. Com uma atuação em que aliou aplicação com bom futebol, o Fluminense fez o difícil parecer fácil. A classificação tricolor contra o Nacional no Parque Central, onde os uruguaios tinham um retrospecto irretocável (sequer haviam sido vazados), recolocou o clube numa semifinal de uma copa continental depois de nove anos.

Na próxima fase, Flu e Atlético-PR farão o confronto mais importante da história entre eles, superando a semifinal do Campeonato Brasileiro de 2001, as quartas da Copa do Brasil de 2007 e, mais recentemente, a decisão da Copa Sul Minas-Rio de 2016.

Para quem não se lembra, à exceção da primeira, o Flu levou a melhor em todas, como se espera que mais uma vez aconteça agora, para que o tetracampeão brasileiro chegue a mais uma decisão de Sul-Americana.

Na última vez em que isso aconteceu, Gum estava lá, o único remanescente de uma geração que conquistou dois Brasileirões no começo desta década. Quarta, em Montevidéu, o zagueiro tricolor levou a campo um toque de heroísmo, ao atuar sem estar completamente recuperado da lesão que sofreu no jogo da semana passada.

Com seu estilo franco de quem é ciente de suas próprias limitações, o sempre vibrante Gum procura suprir suas deficiências deixando o coração em campo. O capitão do time é um legítimo representante da nossa bandeira.

Que tremula, de novo, no alto, altiva, graças à performance de um grupo dedicado, comprometido e extremamente profissional.

Que, efetivamente, merece a alegria de um final feliz.

Compartilhe
  • Googlemais
comente
©2017 OBSERVATÓRIO DO FLUMINENSE
Os Woden